• 30 anos de ensino profissional

Erasmus+ KA102

Mobilidade individual para alunos, recém diplomados e staff da ETAP Escola Profissional
AÇÃO CHAVE 1

MOBILIDADE 

Projetos de mobilidade para fins de aprendizagem de formandos e pessoal das organizações de EFP que podem englobar os seguintes tipos de atividades no estrangeiro:

Mobilidade de formandos e recém diplomados
(até 12 meses após a conclusão da formação)

  • Colocação em institutos de formação profissional ou em empresas;
  • Colocação de longa duração em institutos de formação profissional ou em empresas (ErasmusPro).

Mobilidade de pessoal

  • Missões de ensino ou formação;
  • Formação em: experiência laboral;
  • Formação em: período de acompanhamento/observação no posto de trabalho (job shadowing) numa empresa ou noutra organização de EFP.

Participantes

Formandos, recém-diplomados, formadores e pessoal de organizações de formação profissional e/ou empresas.

Candidatos

Qualquer organização, pública ou privada, ativa nos domínios do ensino e formação profissional, que envie formandos e membros do pessoal para o estrangeiro; o coordenador de um Consórcio de Mobilidade Nacional.

"A partilha de experiências é extremamente gratificante."

Inscreve-te

Alunos
Recém Diplomados
Staff

E-BOOKs + RESULTADOS PROJETO

Job shadowing on Erasmus+ kA102

2017-I-PT01-KA102-035282

data início a 1 setembro de 2017 e data fim a 31 de agosto 2019

Auditório Centro Cívico de Vila Praia de Âncora
Vila Praia de Âncora
25 de junho 2019

Dia erasmus+

No passado dia 25 de Junho, a ETAP- Escola Profissional promoveu o Dia ERASMUS +, organizado pelos alunos do curso Técnico de Receção 10º ano, sob o lema “Go! Don´t skip your future!”. O evento teve como principal objetivo apresentar e divulgar os resultados das mobilidades de alunos e staff realizadas ao longo dos últimos dois anos.

A execução do Projeto Erasmus+, que termina em 31 de agosto próximo, possibilitou a mobilidade de 91 alunos, 17 recém-diplomados e 10 elementos do staff, distribuídos por 8 países (Reino Unido, Alemanha, Itália, França, Malta, Espanha, Polónia e Áustria).

Durante as apresentações, os alunos escutaram atentamente os testemunhos dos colegas, dos recém-diplomados e dos elementos do staff que experienciaram o Programa. No final de cada painel, tiveram oportunidade de colocar questões e esclarecer dúvidas acerca das dificuldades de adaptação a uma cultura e língua diferentes, do alojamento, das empresas, do apoio financeiro e logístico, da alimentação, dos transportes e das mais-valias da experiência. Neste momento de partilha, os participantes admitiram que os primeiros tempos são mais exigentes porque têm de lidar com o impacto da mudança. Contudo, o apoio e o suporte das empresas intermediárias, da Escola e dos colegas revelam-se muito eficazes na resolução de questões e problemas e no processo de adaptação. Recomendam vivamente a experiência e apelam ao sentido de descoberta e à curiosidade, para que cada aluno possa descobrir e desfrutar plenamente do Programa em termos pessoais, profissionais e culturais.

Nos próximos dois anos letivos, a ETAP dinamizará um novo Projeto Erasmus+, aprovado para os mesmos países e destinado a 60 alunos, 10 recém-diplomados e 10 elementos do staff. Este Programa representa mais uma oportunidade para a formação destes jovens em particular, estimulando todas as suas competências e a consciência de que a Europa não tem fronteiras.